Estes são os vencedores do LASA Research Grants Program

12 novembro 2018

Em 2018, o Comitê Executivo LASA aprovou a criação de uma bolsa para apoiar a pesquisa de estudantes de doutorado matriculados em universidades latino-americanas. Dois candidatos foram escolhidos para receber a bolsa:

Victória Monteiro da Silva Santos (Relações Internacionais, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Brasil).
A proposta de Santos, "Violência criminal/política na América Latina e a política de traçar linhas" questiona como as linhas entre violência criminal e política são traçadas no âmbito da política pública por parte de ativistas, pesquisadores e funcionários do governo no contexto da "guerra às drogas". Usando fontes documentais e entrevistas, ela lança o olhas sobre como tais decisões influenciam as distinções feitas entre os militares e a polícia, entre a segurança pública e a segurança internacional e entre a justiça internacional e a local no Brasi, na Colômbia e no México.

Manuel Vladimir Caraballo Acuña (Antropologia Social, El Colegio de Michoacán, México).
O projeto de Caraballo, "Evaluando esmeraldas en la formalización minera colombiana: Hacia una economía cultural de cualidades," examina como a formalização econômica da economia de mineração na Colômbia é implementada por meio de um estudo etnográfico de transformações na mineração de esmeralda. Examinando práticas em minas, centros comerciais e laboratórios, ele se questiona como uma economia informal vem sendo transformada em formal por meio da redefinição da qualidade das esmeraldas, bem como das práticas e dos atores nela envolvidos.

O comitê seletivo foi composto por quatro membros: Cristián Opazo (Letras, Universidad Católica de Chile), Joanne Rappaport (Espanhol e Português, Georgetown University), Wagner Romão (Ciências Políticas, Universidade Estadual de Campinas) e Gabriela Vargas-Cetina (Antropologia, Universidad Autónoma de Yucatán). O comitê considerou dezoito propostas de estudantes matriculados em universidades da Argentina, do Brasil, do Chile, da Colômbia, de Cuba e do México.

Sobre A Associação de Estudos Latino-Americanos (LASA)

A Associação de Estudos Latino-Americanos (LASA _ Latin American Studies Association) é a maior associação profissional do mundo composta de indivíduos e instituições dedicadas ao estudo da América Latina. Com mais de 12.000 sócios, mais de 65% dos quais residindo fora dos Estados Unidos, a LASA é uma associação que reúne especialistas de todas as disciplinas e profissões que dedicam-se ao estudo da América Latina em todo o mundo. A missão da LASA é promover o debate intelectual, a pesquisa e o ensino sobre a América Latina e Caribe e seus povos em todas as Américas, promover os interesses do seu quadro diversificado de sócios e incentivar a participação cívica por meio do aumento de uma rede de relacionamentos e debate público.

Se você deseja entrevistar um membro do Conselho Executivo da LASA, pode entrar em contato com o escritório de comunicações da LASA pelo telefone (412) 648-7929 ou lasa@pitt.edu.